Cabeça de cuia - A opção inteligente

Publicidade

Publicado em 22/03/2007 às 14h34

Justiça manda retirar comunidade do Orkut por causa de difamações

Publicidade

Publicidade

Uma comunidade pacata no sul de Minas, onde as pessoas costumavam se reunir nas praças e barzinhos para conversar com amigos, saiu da rotina desde o início deste ano por causa de uma comunidade virtual criada no site de relacionamento Orkut. Os moradores de Jacutinga, município de 25 mil habitantes, perderam a tranqüilidade peculiar da cidade por causa da comunidade, batizada de "Fofocas de Jacutinga".

Entre as pesquisas anônimas, estão grupos listados como "os viciados da cidade", "os traídos", com nomes de dezenas de pessoas.  As acusações e enquetes que difamaram a imagem de moradores causaram muitas brigas e discussões.

O juiz Márcio José Tricote entrou com uma liminar determinando à empresa Google Brasil Internet Ltda, administradora do site, para retirar a comunidade do ar. Caso a decisão não fosse cumprida, a empresa teria que pagar uma multa diária de R$ 2 mil.

O prazo venceu nesta quarta-feira e até agora a página da comunidade continua no ar. O juiz não quis fazer nenhuma declaração, afirmando que o caso continua sendo julgado. A redação da CBN enviou uma mensagem para a empresa Google Brasil Internet, mas ainda não obteve resposta.

Enviar por E-mail

Comentários

carregando os comentários...