Cabeça de cuia - A opção inteligente

Publicidade

Publicado em 09/11/2010 às 16h43

Confirmadas 18 mortes na rebelião de presos em São Luís

Publicidade

Publicidade

Chegou a 18 o número de detentos mortos entre essa segunda e esta terça-feira, no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Quinze mortes aconteceram durante a rebelião do Presídio São Luís e as outras três, na Penitenciária de Pedrinhas, que também registrou um início de rebelião na manhã desta terça. A informação foi confirmada pelo secretário de Segurança do Estado, Aluísio Mendes.

No primeiro dia, havia a confirmação de nove detentos mortos, sendo que destes, três haviam sido degolados. Além disso, os rebelados ainda haviam feito cinco monitores da penitenciária reféns.

Porém, por volta das 11h desta terça-feira, os presos rebelados liberaram dois dos reféns, e quase uma hora depois, os três reféns que ainda faltavam foram liberados. Todos os monitores foram levados para hospitais de São Luís.

Com a liberaração dos reféns, chegou ao fim a rebelião no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Policiais entraram na penitenciária e começaram a revistar as celas.

De acordo com o secretário Aluísio Mendes, 22 detentos, que seriam os líderes do motim, serão transferidos para presídios federais do Mato Grosso do Sul e do Paraná.

Fonte: Roberta Gomes e Paulo de Tarso Jr./Imirante

Enviar por E-mail

Comentários

carregando os comentários...