Cabeça de cuia - A opção inteligente

Publicidade

Publicado em 11/03/2012 às 14h43

Hospital Regional de Campo Maior é referência e atende 18 cidades

Publicidade

Publicidade

 Hospital Regional de Campo Maior é referência e atende 18 cidades

(Foto:Kalberto Rodrigues)

Referência em atendimento à saúde, o Hospital Regional de Campo Maior vem suprindo a necessidade de 18 municípios da região e desafogando os hospitais da capital. Entre os municípios atendidos estão Barras, Batalha, Castelo do Piauí, Esperantina, Jatobá do Piauí, Luzilândia e outros.

Desde 2011, o Hospital conta com atendimentos especializados em pediatria, obstetrícia, intervenções cirúrgicas, ortopedia, urgência e emergência, entre outros, e vem facilitando a vida dos moradores da região. “Antes, nosso fluxo de ambulância era muito grande.

Havia muita necessidade de transferência para Teresina porque o Hospital não prestava alguns serviços, dentre eles o de ortopedia. “Do ano passado para cá, esta realidade tem mudado e agora realizamos aqui, inclusive, intervenções cirúrgicas de pequena e média complexidade”, explica Danyel Lyra, coordenador de Serviço de Apoio do Hospital Regional de Campo Maior.

A dona de casa Maria de Lourdes não precisou de mais do que 20 minutos para deslocar-se até o Hospital e ser atendida pela equipe da emergência. Assim como ela, cerca de 1.040 pacientes são atendidos mensalmente pelo hospital na Clínica de Emergência e, em caso de internação, contam com um total de 100 leitos disponíveis. “Para nós isso é muito bom porque nos permite ser atendidos rapidamente e sem precisar ir até Teresina”, disse Maria de Lourdes.

Para Juliana Linhares, diretora do HRCM, os indicadores revelam a resolutividade e eficiência do hospital. “Nossa população não precisa esperar atendimento na capital porque suprimos essa necessidade. Com a eficiência dos hospitais regionais todos ganham, pois os pacientes não precisam gastar tempo e dinheiro indo a Teresina e a população da capital passa a contar com mais vagas para atendimento”, ressalta Juliana.

Dentre as metas para o ano de 2012 do Hospital Regional de Campo Maior está a aquisição de novos equipamentos, o funcionamento de mais uma sala de cirurgia, uma sala de parto humanizado e a elaboração de um projeto para implantação de uma Unidade de Tratamento Intensivo – UTI no município de Campo Maior.

Clínica Ortopédica
A Clínica Ortopédica do Hospital Regional de Campo Maior atende em média 470 pacientes mensalmente. São prestados serviços como imobilização,  colocação e retirada do gesso ortopédico e cirurgias.

A Clínica trabalha em parceria com o Hospital Getúlio Vargas e, em caso de necessidade de transferência médica, o paciente é deslocado para Teresina mediante a confirmação de leito disponível no HGV.

“Antes nós tínhamos um grande número de pacientes transferidos por necessidade de atendimento ortopédico. Atualmente o paciente é atendido aqui mesmo, o que, além de ser mais cômodo para o paciente, diminui o tempo de espera, o que é muito importante dentro desse procedimento”, declara Juliana Linhares, diretora do HRCM.

Fonte: Jéssica Santos

Enviar por E-mail

Comentários

carregando os comentários...